"Aqui se 'vive' e se 'respira' poesia... Faça parte deste espaço, siga-nos...

"Aqui se 'vive' e se 'respira' poesia... Faça parte deste espaço, siga-nos...

sábado, 9 de outubro de 2010

[Boletim 14] - Almas Gêmeas... Entre ser Menino e ser Homem... Lento Veneno... Nem tudo é permitido... Secreto Amor...



Almas Gêmeas...
Celso Gabriel de Toledo e Silva - Cegatosi®
Poeta de Luz® - Arquiteto de Almas®
Concebida em: 05/novembro/2009


Certa vez você me disse...
Realmente me conhece mesmo,
Só me resta confirmar,
Vi-lhe apenas uma única vez,
Contudo nunca deixamos definhar a amizade,
Anos se passaram,
O tempo nos manteve presentes,
Foi este o bem maior,
O vínculo real e sincero,
A confiança que revelou em ambos a honestidade,
Amigos que superam a distancia,
Um se faz voz do outro,
Seja nas horas de angustia,
Seja nas horas de alegria,
Haja o riso ou o choro, sempre se compartilha,
Existe a oferta real da solidariedade,
O amor-amizade que sobrevive pelo respeito,
Muito mais liberto tal qual amor de irmãos,
União d'almas no espaço físico,
Telepatia de sentimentos,
Harmonia de pensamentos,
Amigo de e além vida,
Amém!...

. . . . . . . .


Entre ser Menino e ser Homem...
Celso Gabriel de Toledo e Silva - Cegatosi®
Poeta de Luz ® - Arquiteto de Almas®
Concebida em: 30/julho/2001


Todo menino será homem...
É a lei imutável da vida,
Todo homem precisa preservar o menino,
A infância não se pode perder:

Todo menino será homem...
É a transformação do corpo,
São os sinais das mudanças físicas,
É preciso guardar na memória este tempo único;

Todo menino será homem...
É a mudança visível acontecendo,
A sensação palpável e inevitável,
Crescer faz parte do jogo;

Todo menino será homem...
Reações internas e externas,
Novos prazeres, desejos...
A vida abrindo caminho;

Todo menino será homem...
As brincadeiras darão lugar às responsabilidades,
A dúvida do deixar de ser para ser outro,
A perda da ingenuidade;

Todo menino será homem...
Aprenderá a conhecer a si melhor,
Lidar com as novas sensações,
Conhecer os sentimentos e seus efeitos;

Todo menino será homem...
Não apenas no engrossar da voz,
Não apenas na feição e no corpo,
Não apenas nos primeiros pelo pubianos;

Todo menino será homem...
Não apenas no prazer que encontrará em si,
Não apenas no prazer que terá para oferecer,
Mas, sobretudo na firmeza de caráter;

Todo menino será homem...
Na nobreza dos gestos,
Na clareza das atitudes,
No respeito à vida e a todos os seres;

Todo menino será homem...
Parte ativa da vida que não pára,
Será com o  tempo senhor de si,
Será capaz de compreender o jogo;

Todo menino será homem...
Individualmente pelo seu prazer,
Completo pelo prazer a dois,
Muitos serão perpetuadores da nova vida;

Todo menino será homem...
Será o pai que amanhã repetirá a história,
Passar os ensinamentos da vida,
Das transformações que assusta e excita;

Todo menino será homem...
Todo homem deverá sempre lembrar,
Isto é primordial para viver,
Que o menino interior não deve deixar de existir;

Todo menino será homem...
Este é o presente...
Crescer e saber que o menino sempre existirá,
Ele é o sentido maior;

Todo menino será homem...
Ele será ele mesmo amanhã,
No filho que gerará,
Nas crianças que encontrará na sua jornada;

Todo menino será homem...
Será menino...
Todo homem,
Que mantiver a criança viva em si.

. . . . . . . .


Lento Veneno...
Celso Gabriel de Toledo e Silva - Cegatosi®
Poeta de Luz® - Arquiteto de Almas®
Concebida em: 05/abril/2004


És o sentimento que me aprisiona numa sensação incompleta,
Faz renascer em mim pensamentos enterrados,
Desejos que acreditava ter posto uma pedra encima,
Desejos que acreditava ter libertado da minha mente e do meu corpo;

Vejo que nada disto eu consegui fazer...
Tudo permanece latente em mim, mais forte,
Levando-me a loucura, não mais a felicidade,
Restaram-me dúvidas e receios, agonia;

Haverá prazer ou será apenas medo da solidão?
Uma busca por algo que não está mais em nós,
Quebramos o cristal que ofertava o brilho do gostar,
Ainda sim insistimos em querer juntar o que não se pode mais;

Pior de tudo isto é que não sei mais o que faço,
Quando penso agir certo, discernir pela vida,
Em meu coração eu clamo por sua presença,
Tal qual lento veneno que nos aproxima da morte você reaparece.

. . . . . . . .


Nem tudo é permitido...
Celso Gabriel de Toledo e Silva - Cegatosi®
Poeta de Luz® -  Arquiteto de Almas®
Concebida em: 26/julho/2006


Há momentos que meus lábios desejam me trair,
Creio, não sou capaz de guardar meus próprios segredos,
Ainda mais quando o destino me faz ficar cara a cara contigo,
Uma emoção tamanha que escapa por meus dedos dominando-me,
Manifestando em mim o desejo por sentir o calor do teu corpo;

Aproximar, quem me dera, meus olhos dos teus olhos,
Revelar infindas lágrimas que já não consigo esconder,
Encontrar em ti a paz, o aconchego do teu abraço,
O som suave da tua voz a me inebriar, quase desfalecer,
Crer que um dia qualquer meus sonhos serão reais;

Porém a realidade da vida sempre me faz recuar,
Entender que o silêncio é o meu amargo lenitivo,
A salvaguarda da minh'amizade,
Crer em teu respeito por mim como pessoa,
Aceitar como companheira a mentira que nos aproxima;

Morreria mil vezes se não compreendesse meus sentimentos,
Talvez compactue da agonia e do receio pelo o que almejo,
Meu único alento são as palavras que amenizam ao meu sofrer,
Sei que vós foste feito para ser minha companhia,
Mas tu mereces a vida que almeja, caber-me-á apenas arrependimento.

. . . . . . . .


Amor Transparente...
Celso Gabriel de Toledo e Silva - Cegatosi®
Poeta de Luz® - Arquiteto de Almas®
Concebida em: 27/dezembro/2008


És, sem dúvida...
Pele de mi pele,
Só de pensar...
Minhas palavras desaparecem,
Recusam-se,
A serem proferidas,
Diante da saudade que sinto de ti;

Quando juntos estamos...
Deixamos de ser...
Dois seres temporários,
Pouco a pouco...
Nosso amor irradia sintonia,
Há em nós...
A metamorfose do prazer;

Respiramos o mesmo ar,
Inebriamo-nos com o perfume de nossos corpos,
Esquecemos das dores e das tristezas,
Nutrimo-nos da merecida felicidade,
Compartilhamos verdades,
Sobretudo o amor respeito,
Transparente...

. . . . . . . .

Secreto Amor!...
Celso Gabriel de Toledo e Silva - Cegatosi®
Poeta de Luz® - Arquiteto de Almas®
Concebida em: 02/abril/2010


Quando o destino me oferta a chance que mais clamo,
Permite que eu olhe em teus olhos e ainda me apaixone mais,
Sei que neste instante absorvo plenamente o carinho que oferta,
Há em ti doçura, verdade, sobretudo muita sinceridade,
Emoções e sentimentos que chegam há minh'alma;

Há em ti a força que me falta para que eu seja um ser completo,
Tua voz me seduz os ouvidos, invadem minha pele e corpo,
Encanta-me o teu sorrir, tua forma segura de se expressar,
És impávida quando necessário, contudo és da emoção essência,
Sonham minhas mãos com a suavidade das tuas mãos junto as minhas;

Estar ao teu lado por alguns minutos é mais que presente, é benção,
É ouvir todos os sons da natureza, plena harmonia, comunhão,
Faz-me sentir a suavidade do vento que chega a minha face,
Faz-me sentir o frescor d'água, oferta de alimento e vida,
Faz-me sentir o chão firme e seguro, muito mais quando junto a ti;

Compreendo que tudo é um sonho utópico, mas a sonha continuo,
Não fomos feitos um para o outro, nunca haverá o amor físico consumado,
Teus sentimentos e viver já pertencem a outro que espero lhe faça feliz,
Contudo tenho a certeza que há em ti grande parte do que expressei,
Há mim já é uma dádiva o prazer da tua companhia, ser tu e eu amigos...

. . . . . . . .

Postagens populares