"Aqui se 'vive' e se 'respira' poesia... Faça parte deste espaço, siga-nos...

"Aqui se 'vive' e se 'respira' poesia... Faça parte deste espaço, siga-nos...

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Boletim 172 - [ Eu e você... Minha Fé... Sempre viva... ]


















Eu e você...
Celso Gabriel de Toledo e Silva – CeGaToSí®
Poeta de Luz® - Arquiteto de Almas® - Poeta dos Sentimentos®
Concebida em: Piracicaba, 07/janeiro/2016


É neste fogo que me ‘desperto’,
Nestas tuas ‘chamas’ que me aquecem,
Nestes teus desejos que me incendeiam,
Total loucura na qual me ‘alimento’;

É neste fogo que me ‘desperto’,
Sensações e prazeres que excitam,
Sentimentos e emoções a ‘flor da pele’,
Cumplicidade, um sublime venerar;

Encontramo-nos nas noites a dois,
Corpos que se almejam em volúpia,
Almas que se entrelaçam no puro gostar;

Encontramo-nos nas noites a dois,
Somos ora silêncio, ora vozes em sussurros,
Amantes seduzidos pelo mesmo estar, amor.


















Minha Fé...
Celso Gabriel de Toledo e Silva – CeGaToSí®
Poeta de Luz® - Arquiteto de Almas® - Poeta dos Sentimentos®
Concebida em: Piracicaba, 06/janeiro/2016


Penso,
Repenso,
Deixo de pensar,
Busco,
Insisto,
Desisto,
Vez ou outra,
Mas ainda busco,
Há prioridades,
Há outras situações,
Adversidades,
Por vezes medo,
Por vezes solidão,
Por vezes abandono,
Desesperança,
Mas não perco a Fé,
Refaço a coragem,
‘Liberto-me’...
Da insegurança,
Da ansiedade,
Dos rancores,
Das dores,
Do mal,
Respiro fundo,
Refaço-me,
Aliviado,
Absorvo,
Entendo,
Aprendo,
Compreendo,
Faço-me consciente,
Completa-me a maturidade,
Então...
Faço-me,
Renascer,
Por completo.


















Sempre viva...
Celso Gabriel de Toledo e Silva – CeGaToSí®
Poeta de Luz® - Arquiteto de Almas® - Poeta dos Sentimentos®
Concebida em: Piracicaba, 04/janeiro/2016


Não deixe a poesia ‘morrer’,
Não deixe a poesia acabar,
A vida é feita de poesia,
De poesia pra gente se alegrar;

Quando eu não mais puder escrever,
Quando as minhas mãos não mais aguentarem,
Levar meus pensamentos junto com a poesia,
O meu ‘dom’ de escrever entregarei a quem o mereça;

Não deixe a poesia ‘morrer’,
Não deixe a poesia acabar,
A vida é feita de poesia,
De poesia pra gente se alegrar;

Eu de certo vou ficar,
Na alegria do céu espiando,
A poesia vitoriosa, na dor e no riso,
Feliz com o meu pedido final realizado.












Postagens populares