"Aqui se 'vive' e se 'respira' poesia... Faça parte deste espaço, siga-nos...

"Aqui se 'vive' e se 'respira' poesia... Faça parte deste espaço, siga-nos...

sábado, 28 de janeiro de 2012

Espaço Romantismo 2 - [Di Matos... Adelaide Ortiz... Helena Correia... Betânia Uchôa...Sandra Galante... Mardilê Fiedrich Fabre... Tatiana Moreira... ]

Espaço Romantismo...
Dúvida
Di Matos
São Bernardo do Campo - SP


Em mim, guardado está o sentimento
Frágil? Não sei.
Efêmero?
Como saberei.
Se o agora é tudo o que tenho.


Eu e Você
Adelaide Ortiz
São Leopoldo - RS


Eu e você somos a poesia
que versam as entrelinhas
de dois inspirados corações.
Somos apaixonados pela vida,
Pelo amor e pela alegria
de serem vivas e reais
nossas lindas emoções.
Eu sou caneta e você papel
quando nos encontramos
causamos encanto
ou por demais espanto.
Transbordamos o universo
de carinho e de ternura,
e com um pouco mais
de amor e loucura
as mãos escrevem
sentimentos
insanos de paixão.
Somos assim
versos e rimas
sol e lua, flor e raiz,
somos tão somente o amor
de nossas composições.


Dúvidas
Helena Correia
Portugal - PT


Dúvidas
Se quero
Ou me atrevo
Nem que seja
A pensar

Dúvidas
Quando penso
Ou se julgo
Que mereço
Procurar

Dúvidas
Do que sinto
Quando sonho
Que encontro
O amor

Dúvidas
Se vou
Quando tenho
Tua voz
A chamar

Dúvidas
De mim
De ti
E de nós
Por amar

Dúvidas
Do sonho
Da esperança
E se devo
Duvidar...


Deixa-me aqui amor
Betânia Uchôa
Salvador - BA


Deixa-me aqui amor, apenas procurando
o instante perfeito e que eu assim fique.
Com o coração leve, feliz e imaginando,
uma razão para esse amor, que o justifique.

Deixa-me aqui amor, e busquemos
esse instante, que o destino assim decreta,
o elo para juntar toda a história que trazemos
sem retocarmos um fio, ou as arestas.

Pois que sejamos simplesmente água e fogo
juntando nossa pele, em nossa paixão.
O amor prazeroso dos que amam satisfação.

Deixa-me aqui amor, pelo som que clama
nossas bocas pelo voo em sua exaustão,
do céu a terra, caindo devagar até o chão.


Ama-me...
Sandra Galante
Piracicaba - SP


Ama-me como nunca
Com ternura
Sem censura

Ama-me em segredo
Sem medos
Sem pudor

Ama-me com fidelidade
Sem traição
Com paixão

Ama-me com os meus defeitos
Sem julgamentos
Sem condenação

Ama-me de forma incondicional
Com muito carinho
Sem acomodação

Ama-me, é teu o meu ninho
Apazígua a minha alma
Meu corpo quer a tua calma

Ama-me, dá o teu conforto
Para que eu seja o teu porto...


Não vivo sem ti
Mardilê Fiedrich Fabre
São Leopoldo - RS
[ fremitosdaalma.blogspot.com ]


Enternece-me tua lhaneza,
emociona-me teu doce olhar,
não sei viver sem tua fineza,
teu alento me faz vicejar.

Ama-me assim, com serenidade,
tuas mãos deslizando por mim,
teus lábios nos meus com suavidade,
e eu inteira entregue a ti enfim...


No livro da vida
Tatiana Moreira
[ plantandoamor.blogspot.com ]


A vida foi tecendo os caminhos
O destino uniu as histórias
Elaborou os parágrafos
Entrelaçou as páginas
Formando os capítulos
De meros coadjuvantes
Tornaram-se
Os personagens principais
Num prefácio de encantar os olhos
Simplesmente Amor:
Assim dizia o sumário
Num enredo onde ninguém
Ao certo ainda sabe o final...

Postagens populares